Veja os 10 carros elétricos mais econômicos do Brasil em 2022

    [Fonte: Insideev’s]

    O Inmetro divulgou recentemente a tabela do Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) para veículos leves 2022, onde registra, classifica e atribui nota aos carros elétricos avaliados (juntamente com os modelos de motores a combustão) em termos de consumo e eficiência energética no Brasil.

    Com base nesses dados, elaboramos este ranking que inclui apenas os carros com propulsão totalmente elétrica, deixando de lados os modelos híbridos plug-in e híbridos convencionais, bem como os modelos com motores a combustão, estes já elencados pelo Motor1.com em outra lista.

    Os critérios utilizados foram o consumo energético (em MJ/km) e o consumo médio equivalente, uma medida útil adotada pelo instituto que permite equiparar o consumo de energia dos carros elétricos com os modelos equipados com motores de combustão interna a gasolina.

    1 – JAC e-JS1

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    JAC e-JS1 60,3 km/l 52,9 km/l 0,36 A

    O carro elétrico que já foi o mais barato do Brasil (perdeu o posto para o Kwid E-Tech e depois para o Caoa Chery iCar), foi o campeão no ranking de eficiência elaborado pelo InsideEVs com os dados do Inmetro. O modelo da JAC tem autonomia de 300 km com uma  carga e consumo equivalente a um carro a combustão de impressionantes 60,3 km/l na cidade e 52,9 km/l na estrada.

    2 – Renault Kwid E-Tech

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Renault Kwid E-Tech 52,7 km/l 39,6 km/l 0,44 A

    O segundo colocado da lista é o também segundo carro elétrico mais barato do Brasil. Lançado em abril e com o primeiro lote de 750 unidades esgotado, o Kwid E-Tech agora custa R$ 146.990. O pequeno Renault tem autonomia de 295 km com uma carga no uso exclusivamente urbano e uma eficiência que também é destaque com consumo equivalente de mais de 52 km/l na cidade.

    3 – Fiat 500e

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Fiat 500e 47,3 km/l 40,4 km/l 0,46 A

    O primeiro carro elétrico da Fiat foi lançado no Brasil no ano passado e acabou não entrando na avaliação do Inmetro. Agora, o modelo urbano faz sua estreia no ranking com uma respeitada terceira posição, graças ao consumo equivalente de mais de 47 km/l na cidade.

    4 – BMW i3

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    BMW i3 47,7 km/l 39,4 km/l 0,47 A

    Campeão em eficiência no ranking do ano passado, o BMW i3 caiu para o quarto lugar este ano. Mas isso não é ruim e considerando sua trajetória no mercado de quase uma década ainda é um valor respeitável. Com a apresentação do BMW iX1 elétrico, que chegará aos principais mercados a partir do fim do ano, a sua aposentadoria vai ficando mais próxima.

    5 – Chevrolet Bolt

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Chevrolet Bolt 45,3 km/l 36,3 km/l 0,50 A

    O Chevrolet Bolt mudou o visual, aumentou a capacidade de carregamento e ganhou novas tecnologias na linha 2022. No entanto, o trem de força é o mesmo do modelo pré-reestilizado, ainda honesto no que tange à autonomia (416 km EPA) e eficiência energética, ocupando o 5º lugar deste ranking.

    6 – Chery Arrizo 5e

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Chery Arrizo 5e 39,3 km/l 34,5 km/l 0,55 A

    Nem sempre lembrado, afinal ele está sendo vendido atualmente apenas para frotas, o Caoa Chery Arrizo 5e não é a última palavra em termos de tecnologia de carros elétricos, mas ainda assim se vale de um bom resultado em eficiência, alcançando a sexta posição do ranking.

    7 – BMW iX3 M Sport

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    BMW iX3 M Sport 37,9 km/l 32,7 km/l 0,57 A

    Ele acabou de chegar e já entrou na sétima posição do ranking. Recém-lançado no Brasil por R$ 475.950, o BMW iX3 apresentou bons números de consumo equivalente, considerando o seu porte e o fato de não ter uma plataforma dedicada, o que mostra o bom trabalho de engenharia da marca bávara.

    8 – Mini Cooper SE

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Mini Cooper SE Electric 38,5 km/l 31,8 km/l 0,58 A

    Elogiado pelo preço (levando em conta os principais concorrentes), o Mini Cooper SE também conseguiu entrar no Top 10 dos mais econômicos. E ainda que a sua autonomia seja considerada baixa (234 km WLTP), ele consegue ser eficiente, o que ameniza em parte o baixo alcance das baterias.

    9 – Nissan Leaf Tekna

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Nissan Leaf Tekna 38,7 km/l 31,9 km/l 0,58 A

    O Nissan Leaf é quase um habitué nas listas de carros elétricos. Presente no nosso mercado desde 2019, o modelo pioneiro da marca japonesa ainda entrega bons números de eficiência e uma autonomia de 385 km (WLTP), ainda suficiente para o uso urbano.

    10 – Peugeot 208 e-GT

    Modelo Consumo equivalente (Gasolina)  Consumo energético (Mj/km) Classificação PBE
    Cidade Estrada
    Peugeot 208 e-GT 37,8 km/l 30,8 km/l 0,59 A

    E o décimo lugar da lista ficou com a versão elétrica do Peugeot 208. Lançado há pouco tempo, ele tem bons atributos em termos de dirigibilidade, equipamentos e tecnologia. Já a eficiência está dentro da média do segmento e a autonomia é de 340 km pelo ciclo WLTP.