Carros novos valorizam 1,51% e seminovos, 2,28% em novembro

    [Fonte: Carsughi]

    A Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) informou que em novembro foram comercializados 173 mil unidades de veículos, o que representou um aumento de 6,5% frente ao mês de outubro. No entanto, esses números não foram suficientes para suprir a crescente demanda por carros novos, exercendo pressão sobre os preços dos automóveis.

    O ano de 2021 está 13,5% inferior no quesito produção quando comparado com 2020. Segundo o monitor de variação de preços da KBB (Kelley Blue Book Brasil), empresa especializada em pesquisa de preços de carros novos e usados, os carros 0 km ficaram em média 1,51% mais caros no período, enquanto seminovos subiram 2,28% e usados 1,92%.

    Assim, a conclusão da KBB é que, nesse cenário em que a oferta da indústria não consegue acompanhar a demanda em alta pelo período mais favorável do ano, houve crescimento no preço dos carros novos, seminovos e usados (aqueles que tem entre 4 e 10 anos)

    Variação média de preços dos carros novos (KBB – Novembro/21)

    Ano modelo Outubro Novembro Média mensal em 2020 Acumulado 2021
    2022 1,64% 2,24% 0,00% 16,87%
    2021 0,68% 0,07% 0,43% 6,52%
    Média 1,38% 1,51% 0,48% 8,29%

    No caso dos veículos seminovos, com até três anos de uso, a mesma tendência de alta é observada. Em média, os aumentos passaram de 1,67% para 2,28% nos últimos dois meses, chegando ao pico de 2,92% para os carros 2020 em novembro.

    Variação média de preços dos carros seminovos – de 0 a 3 anos de uso (KBB – Novembro/21)

    Ano modelo Outubro Novembro Média mensal em 2020 Acumulado 2021
    2021 1,52% 1,90% 0,62% 11,78%
    2020 0,61% 2,92% 0,71% 11,83%
    2019 2,25% 1,84% 0,21% 17,07%
    2018 2,36% 2,41% 0,14% 19,64%
    Média 1,67% 2,28% 0,38% 15,07%

    Já com relação aos carros usados (que abrangem de quatro a dez anos), houve leve arrefecimento na curva média de variação positiva, uma vez que os 1,92% de novembro ficaram abaixo dos 2,21% observados em outubro. Porém, vale destacar que o ano modelo 2013 registrou pico de 3,45% de incremento médio de preços no mês passado.

    Variação média de preços dos carros usados – de 4 a 10 anos de uso (KBB – Novembro/21)

    Ano modelo Outubro Novembro Média mensal em 2020 Acumulado 2021
    2017 2,22% 1,76% 0,05% 20,23%
    2016 2,60% 1,25% 0,14% 18,20%
    2015 2,67% 1,27% 0,13% 20,70%
    2014 2,01% 2,65% 0,02% 20,46%
    2013 1,38% 3,45% 0,21% 22,12%
    2012 2,04% 1,72% 0,32% 21,69%
    2011 2,40% 1,47% 0,23% 22,91%
    Média 2,21% 1,92% 0,16% 21,01%

    O MVP de novembro da KBB Brasil analisou uma amostragem com 26.376 versões de veículos novos e usados à venda no mercado.